Pára!

Desde quando você me provoca?
Não sei se gosto,
e pra falar a verdade
me deixa um pouco magoada.

Desde quando você se vinga?
Me sinto culpada
por algo bobo, ainda.
Babaca.

Desculpa,
mas é que me dói descobrir
que talvez,
talvez não sejamos tão alma-gêmeas assim.

3 comentários:

lô colares. disse...

eu não teria como pagar a emoção que é uma pessoa dizer que gosta das coisas que eu escrevo. mas fico te devendo algumas viu :)

Tainá Facó disse...

E isso dói, dói muito!

luanamuniz disse...

poxa, me identifiquei um pouco com esse. poema muito bom.