Coisas que flutuam.

Fontes.
Torradas com geléia de pêssego.
Aviões.
Enfeites em árvores de Natal.
Nuvens.
Cordas bambas e lonas de circo.
Vazios.
Corpos amolecidos
e corpos enlouquecidos.
Corações preenchidos
e amores bem queridos:
Modismos.

3 comentários:

gabiz disse...

gostei você ter terminado com a mesma rima do post passado.
ideia velha, ideia nova :)

Anônimo disse...

Pois eu achei pobre. Desculpe a sinceridade.

Gabriele disse...

nunca disse que meu objetivo era a riqueza.